Programa das Celebrações Natalícias de 2022

18 de dezembro – 4º Domingo do Advento 10h30 – Benção das lmagens    24 de dezembro 18h00 – ICM, Missa da Vigília 24h00 – Sé, Missa da Noite de Natal     25 de dezembro 10h30 – São Luís, Missa de Natal 12h00 – Sé, Missa Estacional   30 de dezembro – Festa da Sagrada Família 19h00 – Sao …

Read More »

18 de dezembro de 2022 – 4º Domingo do Advento – Ano A

Tendo decidido fazer-Se Homem, nos desígnios insondáveis do Altíssimo, o Verbo – a Segunda Pessoa da Santíssima Trindade –, assumiu a natureza humana de Maria Santíssima, não como mero instrumento através do qual tivesse descido à terra, mas como verdadeira Mãe. O Arcanjo anunciou-lhe: «Conceberás e darás à luz…»   1. Maria, sinal da benevolência de Deus Alento da nossa …

Read More »

Tempo do Advento: Celebração Penitencial -17 de dezembro das 10h00 As 12h0

No próximo Sábado, dia 17 de dezembro, a partir das 10h00,  realiza-se a Celebração Penitencial do Advento na nossa Paróquia.  Esta celebração penitencial é para a catequese e todos os adultos que desejem.  haverá vários sacerdotes para o atendimento de confissões.  Participemos nesta celebração penitencial para melhor vivermos o Natal  que se aproxima.  

Read More »

18 de dezembro de 2022 – Bênção das Imagens do Presépio

Na Eucaristia do próximo Domingo, (4º Domingo do Advento), faremos a bênção das Imagens dos Presépios de nossas casas. Não se esqueça de trazer a sua Imagem à Eucaristia do próximo Domingo. A Eucaristia começa às 10h30.

Read More »

Partilhar com quem mais precisa em tempo de Advento

Em tempo de Advento somos desafiados à partilha com os nossos irmãos que lutam com dificuldades. Sábado, na Eucaristia das 19h00, ou Domingo, na Eucaristia das 10h30, leva alimentos para o serviço caritativo da paróquia.

Read More »

O bom arrependimento salva-nos

Decidir é arriscado. Mas sempre que falhamos devemos aprender alguma coisa. Não deves ser ingénuo e sentir-te culpado pelas tuas decisões. No entanto, és responsável pela forma como decides. Pensas o suficiente? Pesas com cuidado todas as dimensões em causa e exploras as opções ao teu dispor? Mesmo que seja mesmo boa, a intenção não chega. Importa, muito, o processo …

Read More »

18 de dezembro de 2022 – Liturgia do 4º Domingo do Advento – Ano A

LEITURA Is 7, 10-14 Leitura do Livro de Isaías Naqueles dias, o Senhor mandou ao rei Acaz a seguinte mensagem: «Pede um sinal ao Senhor teu Deus, quer nas profundezas do abismo, quer lá em cima nas alturas». Acaz respondeu: «Não pedirei, não porei o Senhor à prova». Então Isaías disse: «Escutai, casa de David: Não vos basta que andeis …

Read More »

11 de dezembro de 2022 – 3º Domingo do Advento – Ano A

Alegrem-se o deserto e o descampado, rejubile e floresça a terra árida, cubra-se de flores como o narciso, exulte com brados de alegria. Ser-lhe-á dada a glória do Líbano, o esplendor do Carmelo e do Sáron. Verão a glória do Senhor, o esplendor do nosso Deus. 1.       A Palavra de Deus que hoje escutámos fala-nos de salvação. Mas que salvação? …

Read More »

8 de dezembro de 2022 – Solenidade da Imaculada Conceição da Virgem Santa Maria

Neste tempo de Advento somos convidados, através da Solenidade da Imaculada Conceição da Virgem Santa Maria, a celebrar e a meditar como Deus ao longo dos tempos foi preparando a vinda de Jesus. Na verdade, Deus, pela Imaculada Conceição da Virgem Santa Maria, preparou uma digna morada para o seu Filho. Além disto, a presente Solenidade também nos convida a …

Read More »

Nota da Conferência Episcopal Portuguesa sobre a aprovação da legalização da eutanásia e do suicídio assistido

A Assembleia da República retomou hoje o processo legislativo que prevê a legalização da eutanásia e do suicídio assistido. Ao acontecer num momento da nossa história particularmente preocupante, num contexto de guerra, de recessão socioeconómica e de sinais de um Serviço Nacional de Saúde em grande fragilidade, a insistência legislativa motiva-nos a, democraticamente, salientar o seguinte: 1. Com tristeza recebemos …

Read More »

Importa o que és, não o que pensam de ti!

Para teres paz, não podes semear a discórdia em teu redor. Por vezes, isso implica que tenhas de calar o que julgas. Se não os puderes ajudar, pelo menos deixa-os em paz. A tua própria tranquilidade depende disso. Pensar bem do meu vizinho evita muitos problemas. Poucos são como tu, pelo que nem sempre é bom fazer aos outros o …

Read More »