10 de junho – Anjo da Guarda de Portugal

Os anjos intercedem continuamente junto do Senhor por nós e pelos povos de todo o mundo. Confiemos na sua protecção.

Fátima, Altar do Mundo

Em 1917 Nossa Senhora escolheu Fátima para transmitir uma mensagem de salvação ao mundo, atormentado pela primeira guerra mundial (1914 – 1918).

Fátima era nessa altura uma aldeia desconhecida da serra.

Com as aparições de Nossa Senhora houve Portugueses interessados em destruir Fátima…

Ao contemplarmos hoje os três Pastorinhos, não esqueçamos que foram presos e ameaçados de serem lançados numa caldeira de azeite a ferver…

Ao olharmos para a Capelinha da Cova da Iria, não esqueçamos que a primitiva foi completamente destruída por maldade…

Quase a celebrarmos o centenário das aparições, não esqueçamos que continua a haver pessoas a negar e combater Fátima…

Mas Fátima foi, é e continuará a ser Altar do Mundo.

Jacinta, Francisco e Lúcia que tiveram a felicidade de contemplar a Santíssima Virgem eram crianças simples e puras. Agora estão no Céu e lá encaminham para o Senhor, através da Mãe, os nossos pedidos, sonhos e projectos…

A mensagem da Senhora continua actual. Convertamo-nos ao Senhor e transformemos a nossa vida em oração. E, para a vivermos integralmente, não esqueçamos o Rosário e a devoção dos primeiros sábados.

O Anjo de Portugal

O Anjo de Portugal não quis estar ausente nessa data que marcaria a vida da Igreja e do Mundo a partir de então.

Sim. No ano anterior quis preparar os Pastorinhos para a visita de Nossa Senhora. Apareceu-lhes na Loca do Cabeço e no poço do Arneiro (junto à casa de Lúcia).

Ensinou-lhes orações que rezamos com muita fé: «Meu Deus, eu creio, adoro, espero e amo-Vos…Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo, adoro- Vos profundamente…». Deu-lhes a Sagrada Comunhão para sentirem força e coragem a fim de permanecerem firmes na fé até partirem deste mundo para o Ceu.

Neste Dia de Portugal e em todos os dias do ano lembremo-nos do seu Anjo. Ele não esquecerá as nossas preces. Junto de Deus, intercederá para que Portugal continue a ser uma nação fiel ao Senhor.

Fátima e as crianças

Neste dia 10 de Junho Fátima enche-se de crianças, na sua peregrinação anual.

Ao contemplá-las risonhas e sorridentes, recordamos muitas outras que ali podiam estar se não lhes fosse negado o direito à vida pelo crime abominável do aborto.

Ao contemplá-las risonhas e sorridentes, recordamos todas as que vivem tristes e amarguradas pelos maus tratos de quem não sabe respeitar a sua inocência.

Ao contemplá-las risonhas e sorridentes, recordamos que as crianças são o que de melhor temos no mundo. Respeitemo-las, acompanhemo-las no seu crescimento e na sua formação para que amanhã consigam tornar o mundo melhor.

Que Jacinta, Francisco e Lúcia intercedam junto do Senhor pelas nossas crianças e por todos nós !

Que a Virgem Senhora de Fátima nos acolha como filhos muito queridos, abençoe Portugal e salve o mundo!

Check Also

26 de junho de 2022 – 13º Domingo do Tempo Comum – Ano C

Este mês de junho é marcado pelas festas dos chamados santos populares. Lembram-nos que a …