O além está muito perto!

A alma de cada um de nós é maior do que o nosso corpo, envolve-nos como um ventre materno. Chegou-nos através de um sopro mais belo do que qualquer vento, e trazia em si um pedaço de outra alma que por amor se deu, para que pudéssemos existir!

Talvez por isso eu sinta que há um espaço em torno da minha pele que ainda sou eu, sendo que, quando alguém ou alguma coisa nele entra contra a minha vontade, eu me sinto pior do que invadido. Um abraço é bem mais do que aquilo que parece ser… quase um só coração protegido por quatro braços.

Só eu posso fazer mal à minha alma. Nada nem ninguém a pode manchar, sem o meu sim a isso.

O que fazemos confessa o que sentimos e pensamos, por mais que o tentemos esconder. Os nossos atos dependem sempre do que vive no nosso coração. Há quem queira parecer o que não é, mas nem sempre o consegue.

A paciência é um caminho para a verdade, assim como a pressa é parceira do engano. Deixemos que o tempo passe e desfaça as mentiras… Mas cuidado, porque, de qualquer forma, não cabe a nenhum de nós julgar os outros, menos ainda as suas almas.

Quando lutamos pelo bem, e isso implica termos de sofrer, é a alma que faz dessa tristeza uma alegria, assim a nossa vontade se imponha aos medos.

A alma é um fragmento perfeito de vida que, apesar de ínfima, é maior do que o Universo!

Cada um de nós é um mistério de fogo.

Deixa que a tua alma incendei o mundo através de ti, transformando em luz e calor tudo por onde passa.

A tua alma não é tua. É Deus contigo.

 

 

Fonte: https://agencia.ecclesia.pt/

Autor:José Luís Nunes Martins

Check Also

ADVENTO, TEMPO DE… ?

Estamos perto do início de um novo ano litúrgico, e isso significa que se aproxima …