Home | Noticias | Vaticano: Cristão deve «acusar-se» em vez de acusar outros, diz o Papa

Vaticano: Cristão deve «acusar-se» em vez de acusar outros, diz o Papa

Cidade do Vaticano, 06 set 2018 (Ecclesia) – O Papa Francisco disse hoje no Vaticano que a espiritualidade cristã convida os crentes a “acusar-se” a si próprios em vez de apontarem o dedo aos outros, reconhecendo-se como “pecadores”.

“Um sinal de que uma pessoa, um cristão não sabe acusar-se a si mesmo é quando se acostuma a acusar o próximo, a falar mal dos outros, a meter-se na vida alheia. É um mau sinal. Faço isto? É uma boa pergunta para chegar ao coração”, sugeriu, na homilia da Missa a que presidiu na Capela da Casa de Santa Marta.

A intervenção, divulgada pelos media do Vaticano, destacou a importância da “penitência”, sem recorrer a “cosmética” espiritual ou confissões “blá-blá-blá”.

“Todos sabemos que somos pecadores. Mas não é fácil confessar, acusar-se a si mesmo de pecado, de ser um pecador concreto, com enlevo”, precisou.

Francisco apelou a uma consciência da própria “miséria” e ao sentimento da “vergonha”, diante de Deus.

OC

Check Also

Publicações: Capelão hospitalar lança obra «Momentos de muitas vidas»

Coimbra, 08 nov 2018 (Ecclesia) – O capelão do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, …