Home | Noticias | Portugal: Conferência Episcopal saúda novo bispo nomeado para o Funchal e agradece legado de «dedicação» de D. António Carrilho

Portugal: Conferência Episcopal saúda novo bispo nomeado para o Funchal e agradece legado de «dedicação» de D. António Carrilho

D. Nuno Brás assume diocese madeirense no dia 17 de fevereiro

Lisboa, 12 jan 2019 (Ecclesia) – A Conferência Episcopal Portuguesa regozijou-se hoje com a nomeação de D. Nuno Brás para bispo do Funchal, anunciada este sábado pelo Papa Francisco.

Em comunicado enviado à Agência ECCLESIA, os bispos portugueses expressam assim a sua proximidade e força a D. Nuno Brás, de 55 anos, para a nova missão que irá abraçar à frente das comunidades católicas madeirenses, depois de várias décadas de serviço ao Patriarcado de Lisboa, como sacerdote, como formador e reitor do Seminário dos Olivais, e desde 2011 como bispo auxiliar.

Na mesma nota, a CEP deixa também uma mensagem especial ao até agora bispo do Funchal, D. António Carrilho, que apresentou renúncia ao cargo por limite de idade.

Os bispos portugueses agradecem a D. António Carrilho “toda a dedicação pastoral ao povo de Deus que lhe foi confiado até este dia, em que o Santo Padre aceitou a sua renúncia”.

D. Nuno Brás nasceu a 12 de maio de 1963 no Vimeiro, Lourinhã, Patriarcado de Lisboa, e fez os estudos primários e secundários no Externato de Penafirme, seguindo-se o curso Filosófico-Teológico nos Seminários do Patriarcado de Lisboa.

Estudou na Universidade Pontifícia Gregoriana, sendo aluno do Colégio Pontifício Português, e obteve o Doutoramento em Teologia Fundamental.
Foi ordenado presbítero a 4 de julho de 1987 no Patriarcado de Lisboa, onde exerceu funções de vigário paroquial, membro da equipa formadora e posteriormente reitor do Seminário Maior de Cristo Rei (Lisboa), e diretor do semanário diocesano “Voz da Verdade”.

Destacou-se também como professor na Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, responsável da Comissão Diocesana para o Diaconado Permanente, diretor do Departamento de Informação do Patriarcado de Lisboa, e foi ainda reitor do Colégio Pontifício Português, em Roma.

D. Nuno Brás foi nomeado por Bento XVI no dia 10 de outubro de 2011 como Bispo Titular de Elvas e Auxiliar do Patriarcado de Lisboa, e escolheu como lema episcopal “In Verbo Tuo” (Na Tua Palavra).

A CEP recorda a mensagem que o agora bispo nomeado para a Diocese do Funchal dirigiu às comunidades no dia da sua Ordenação Episcopal no Mosteiro dos Jerónimos a 20 de novembro de 2011.

“Pedi a Deus que também agora e pelo resto da minha vida, ajudado pela Graça divina e pela amizade, oração, encorajamento e colaboração fraterna de todos, eu seja capaz de responder como S. Pedro: “in verbo tuo laxabo rete” – na Tua Palavra, por causa dela, e apesar de todas as minhas dificuldades e incapacidades; na Tua Palavra, com a ousadia da fé que só ela é capaz de suscitar; na Tua Palavra lançarei as redes”, apelava na altura D. Nuno Brás.

JCP

Check Also

Primeira igreja no Algarve dedicada ao padroeiro da diocese vai ser inaugurada

A primeira igreja do Algarve dedicada a São Vicente, diácono, mártir e padroeiro principal da …